de Munchen para Lissabon

Antes de mais nada, agradeço os comentários dos vários leitores. Vamos assim viajando juntos!

Depois da agradável passagem por Munique, o vôo foi bem tranquilo, melhorado por essa visão dos Alpes:


Aqueles com mais idade, vão se lembrar do corredor de Fórmula 1, Nikki Lauda, que sofreu um terrível acidente. Ele mais tarde iniciou uma companhia aérea, a Fly Nikki, e no vôo de conexão entre Palma de Maiorca (Espanha) para Lissabon (que é como os austríacos e alemães chamam Lisboa), viajei com ela. Abaixo, uma visão de Palma desde o avião da Nikki, que tem como símbolo uma mosca gigante. Nos televisores a mosca fala com a gente explicando os procedimentos de segurança, apertar os cintos e coisas assim:


A chegada a Portugal não poderia ter sido melhor. Já chegando, fomos experimentar os famosos pastéis de Belém, numa tradicional casa de Lisboa, inaugurada em 1800 e alguma coisa, e onde todos vêm para apreciar os famosos pastéis e pães. O acompanhamento foi com cacau (o nome aqui para chocolate quente):


Seguimos com um passeio rápido pela cidade, que terminou ainda com um jantar de bacalhau. O que poderia ser mais tradicional e típico? Apesar da chuva, e com alguns ajustes na câmera, consegui tirar essa foto de um dos monumentos impressionantes daqui, o Mosteiro dos Jerônimos (cliquem pra ver maior). Espero que apreciem!

3 thoughts on “de Munchen para Lissabon

  1. E são! Hoje estive a provar os pastéis de nata, e mais um maravilhoso bacalhau. Fora a sopa maravilhosa de Dna. Manuela que encerrou esse primeiro dia de curso.

Os comentários estão fechados.