Mordidas e Livros

O “Eu que Morde Seu Dono” é um dos ensinamentos mais importantes dados pelo Venerável Ajahn Buddhadasa. Neste breve artigo que aparece no blog do Nalanda Curitiba, Tan Ajahn toca num assunto fundamental para todo seguidor do Dhamma: “Como viver sem que a vida morda seu dono?” O que faz surgir o “dono”?

Um bom exemplo de incentivar uma vida com menos “eu” e “meu” é dedicar-se a espalhar o Dharma. Claro, no momento em que pensamos que “ajudamos” e que há “alguém que ajuda”, prendemo-nos novamente. Isso porque: “A condição de dukkha, a experiência que é como um tormento, a condição de sofrimento na vida, é como carregar uma carga ou peso enorme. Esta carga não outra coisa que o eu, que atta“. Então temos que ter cuidado e observação vigilante.

Mas espalhar o verdadeiro Dharma é uma forma para fazer com que as pessoas entendam como se ‘enroscam’ na vida que tem um dono. Gostaria de indicar um site que mostra um excelente trabalho nesse sentido, de um bom amigo de anos lá da Malásia. Talvez nem todos saibam, mas o Camboja sofreu muito nas últimas décadas devido a uma terrível ditadura militar. Milhares de monges foram mortos, juntamente com milhões de pessoas. Quem deseja saber mais da história recente do Camboja, pode dar uma olhada no livro “Passo a Passo“. Pois é, com isso o Buddhismo sofreu muito, pois ele foi proibido e o acesso ao Dhamma era clandestino. O Dhamma Aid Camboja surgiu então para dar apoio ao ressurgimento do Dhamma nesse país. Não preciso falar mais, as fotos já falam por si mesmas e é maravilhoso ver o Dhamma sendo distribuído. Quem sabe ainda possamos fazer algo parecido no Brasil, mas é difícil conseguir os fundos necessários para se distribuir livros gratuitamente. Mas se alguns fundos chegarem pelo menos poderemos manter baixos os valores dos livros que produzimos. Aqueles interessados em doar ou fazer empréstimos para a publicação de livros a um custo menor, são convidados a entrarem em contato com o Nalanda.

E falando em livro, ainda neste semestre esperamos o lançamento de um livro de estórias para crianças, de minha autoria e do JCarino, mais ilustrações muito belas do MarceloA.