mais daqui do seminário

Em seu segundo dia, o seminário budista ocorrendo aqui em Garopaba contou pela manha com uma visita ao templo budista Chagdud Gompa Ordjen Katchod Ling, onde fomos muito bem recebidos pelo Flavius e Susi. A visita foi muito importante, pois os participantes do seminário puderam complementar suas visoes do budismo theravada, soto zen e zen vietnamita, agora com uma perspectiva também do budismo tibetano nyingma e seus sadhanas. A vigorosa caminhada morro acima também serviu como um complemento para nossa exposiçao de ontem a noite dos versos sobre uma única noite (com direito a recitaçao em pali), realçando a valor do esforço. Hoje falamos um pouco mais do esforço, adicionando com noçoes sobre equanimidade e visao dos dhammas presentes direta e claramente. O prof. Gensho discorreu sobre os preceitos e treinamentos zen, enquanto que o prof. Miklos nos deu uma visao das quatro nobres verdades e caminho óctuplo desde a perspectiva de Thich Nhat Hanh, brindando-nos logo depois a noite com alguns gathas e canticos.

Hoje, no terceiro dia, começamos com uma meditaçao no estilo vietnamita e depois da aula de yoga conduzida pela prof. Lilian tivemos um pouco mais sobre a prática da consciencia na perspectiva de Thich Nhat Hanh com o prof. Miklos. Prof. Sasaki respondeu algumas perguntas em grupo antes do almoço e a tarde prof. Gensho apresentou uma aula muito interessante sobre hua tous, koans e prática no zen. Depois de um yoganidra muito relaxante conduzida pelo prof. Joseph, prof. Sasaki falou sobre a expansao do Theravada no sudeste asiático e o movimento vipassana delineando quatro principais linhagens de vipassana ativas no mundo atual. O dia encerrou com todos cantando juntos o sutra do coraçao conduzido pelo rev. Gensho.