birmânia burma

Austrália, Reino Unido e União Buddhista Européia


Mais três declarações enviadas por amigos:

da Australian Sangha Association
da União Buddhista Européia
e aqui a posição oficial do Primeiro Ministro Britânico a respeito.

Ah, como seria bom ouvir algum elemento do governo brasileiro dar uma opinião oficial, ou ter qualquer posição….

Em tempo, aqui a declaração do CBB.

2 Comments

  • Anonymous
    08/10/2007 - 8:01 pm | Permalink

    Esse governo é sempre amigável e parceiro das ditaduras, veja as relações brasileiras com a Venezuela de Chaves, China, Cuba de Fidel…

    A pouco tempo atrás, teve o episódio dos dois pugilistas cubanos que foram deportados e entregue ao ditador amigo, em situação de claro desrespeito aos Direitos Humanos, uma vergonha…

    Mianmar??? Burma??? Se pedir ao Celso Amorim para localizar no mapa, não sabe nem onde fica…

  • Anonymous
    08/10/2007 - 4:41 pm | Permalink

    Mas o Brasil já se pronunciou, como sempre, do lado errado.
    Deu na Folha de São Paulo de 28/09/2007:
    “Celso Amorim, disse que o Brasil não adotará sanções unilaterais contra Mianmar”.

    O ministro acredita que sanções poderiam levar a Junta a tomar medidas ainda mais drásticas para provar sua autonomia.

    Bem, talvez isso seja a proverbial “cordialidade” brasileira, que nos impede de criticar qualquer ação de um governo estrangeiro.

    Paulo

  • Comments are closed.

    Powered by: Wordpress
    %d blogueiros gostam disto: