Cerimônias Buddhistas – II

Se os costumes ou a execução das cerimônias não estão de acordo com a religião buddhista, ou se a compulsão religiosa não os aprova, então o método de execução, ao invés da cerimônia em si, deve ser adaptado para adequar-se aos ensinamentos religiosos, ou uma maneira inteiramente nova de executar a cerimônia deve ser buscada.

Um homem desejará fazer alguma cerimônia quando um filho lhe é dado; ou na ocasião em que entrega seu filho ou filha no casamento; ou na hora da morte de outras pessoas. O que se segue são as maneiras de executar cerimônias em relação às ocasiões mencionadas acima, e preparadas de forma a serem aceitáveis a todos os buddhistas.

Seguiremos amanhã com aquilo que Sayadaw U Silananda tem a dizer sobre o batismo do ponto de vista buddhista.

dhanapala

Este é o blog pessoal de Ricardo Sasaki (Dhanapala), psicoterapeuta, palestrante e professor autorizado na tradição buddhista theravada e mahayana, tradutor, autor e editor de vários livros, com um grande interesse na promoção e desenvolvimento de meios hábeis que colaborem na diminuição real do sofrimento dos seres, principalmente aqueles inspirados nos ensinamentos do Buddha. Dirige o Centro de Estudos Buddhistas Nalanda e escreve no blog Folhas no Caminho. É também um dos professores do Numi - Núcleo de Mindfulness para o qual escreve regularmente. Para perguntas sobre o buddhismo, estudos em grupo e sugestões para esta coluna, pode ser contactado aqui.