Entre ilhas, praias e montanhas

Desde ontem estou numa ilha, em meio a inumeras outras.
A ideia eh passar uns dois dias.
Acordando entre montanhas, dentro do barco:
Para chegar, depois do barco sento na garupa de uma moto-taxi
que ziguezagueia por entre as montanhas.
Esta eh a vista do meu quarto de hotel:

Calcadao – a ilha ainda nao foi descoberta pelos milhares de turistas ocidentais,

soh se encontra alguns. Tudo eh tranquilo:

A praia ao lado:

Uma visao do alto da estrada que leva a uma das praias:


Gostaram?

dhanapala

Este é o blog pessoal de Ricardo Sasaki (Dhanapala), psicoterapeuta, palestrante e professor autorizado na tradição buddhista theravada e mahayana, tradutor, autor e editor de vários livros, com um grande interesse na promoção e desenvolvimento de meios hábeis que colaborem na diminuição real do sofrimento dos seres, principalmente aqueles inspirados nos ensinamentos do Buddha. Dirige o Centro de Estudos Buddhistas Nalanda e escreve no blog Folhas no Caminho. É também um dos professores do Numi - Núcleo de Mindfulness para o qual escreve regularmente. Para perguntas sobre o buddhismo, estudos em grupo e sugestões para esta coluna, pode ser contactado aqui.

6 Comments

  1. Yes, I liked very much…you are free..you are happy and calm!

    Josane

  2. Very beautiful!

    Fico imaginando o ar puro dessas montanhas….

    Lembranças.
    Daniel

  3. Imagino ser ótimo acordar entre montanhas! Da janela do meu quarto – cá em Nova Lima – pode-se ver o chamado Morro do Elefante; uma bela montanha cuja forma inspirou a idéia de seu nome. Agora, me ocorre perguntar diante dela “Ouvirei seu Dhamma?” Afinal, se o monge Santikaro diz em um texto “As árvores nos ensinam a olhar um para o outro sem medo, desejo, inveja, conflito”, que lições não encerrariam as montanhas?

    Obrigado por compartilhar.

  4. Surpreendente esse Víetnã. Abs. Fátima

Comments are closed.