Imaginem as suas faces quando estão bravos

Nesta semana o prof. de dharma Godwin Samararatne fala sobre raiva e impaciência. Este trecho foi traduzido pela equipe de tradução do Centro Buddhista Nalanda:

Aqueles de vocês que estão dirigindo: quando há um farol vermelho, vocês têm de parar o carro. Quando vocês têm de parar o carro, qual o monstro que surge em sua mente? Se há raiva e impaciência, vocês podem dizer: “Eu tenho raiva agora, eu tenho impaciência agora, mas tudo bem”. Simples: como eu disse, está tudo bem. “Eu estou tendo impaciência e eu estou tendo raiva. Deixe-me aceitar isso, tal como é”.

E se você puder olhar também para a luz vermelha e dizer isso, é possível que você fique bem! Essa é uma prática poderosa de amorosidade. Coisas pequenas, pequeninas. Quero dizer que estas pequenas coisas, as mínimas coisas, podem fazer a diferença. Além disso, você pode apenas imaginar o seu rosto quando está com raiva, quando está impaciente, e se você conseguir fazê-lo, isso pode realmente fazer a diferença. E então, quando você for para o seu escritório você pode ir com um estado de espírito diferente: aquela coisa pequenina terá lhe ajudado“.

dhanapala

Este é o blog pessoal de Ricardo Sasaki (Dhanapala), psicoterapeuta, palestrante e professor autorizado na tradição buddhista theravada e mahayana, tradutor, autor e editor de vários livros, com um grande interesse na promoção e desenvolvimento de meios hábeis que colaborem na diminuição real do sofrimento dos seres, principalmente aqueles inspirados nos ensinamentos do Buddha. Dirige o Centro de Estudos Buddhistas Nalanda e escreve no blog Folhas no Caminho. É também um dos professores do Numi - Núcleo de Mindfulness para o qual escreve regularmente. Para perguntas sobre o buddhismo, estudos em grupo e sugestões para esta coluna, pode ser contactado aqui.