Uncategorized

Lesmas & Homens

A interdependência entre todos os seres é algo frequentemente mencionado nos ensinamentos do Buddha. Enquanto que essa interdependência pode permanecer em um nível teórico para muitos, há amplos exemplos de como isso apresenta efeitos práticos.  Então, da Scripps Institution of Oceanography da Universidade da Califórnia, em San Diego, mostrou que o ruído nas águas oceânicas aumentou na razão de 10 vezes desde 1960. Ainda não há estudos sobre como isso pode afetar a vida marinha, principalmente para aquelas espécies dependentes do som para seu dia a dia. Mas em termos de causa para esse dado assustador está o aumento vertiginoso do transporte marítimo humano. Quando isso é somado à pesca predatória em escala mundial, que não respeita em nada mesmo as espécies em perigo de extinção; à poluição insana de todas as cidades modernas, o lixo tóxico; e tantos outros malefícios causados à água, ao mar, aos rios e espécies animais, o quadro que temos à frente não é nada bom.

lesma do mar

A resposta do outro lado da cadeia da interdependência entretanto, apesar de silenciosa pode ser igualmente proporcional. Além dos já conhecidos efeitos gerais em relação à queda de qualidade de vida dos habitantes do planeta, podemos estar destruindo uma série de oportunidades de cura para doenças sérias dos humanos. Um exemplo curioso vem da Universidade de Utah, que revela ter descoberto, numa lesma venenosa do mar, uma nova toxina que pode se mostrar efetiva no tratamento de várias doenças do sistema nervoso, como Parkinson, Alzheimer, depression, adição à nicotina e talvez mesmo a esquizofrenia. Os resultados da pesquisa sairão no próximo número do ‘The Journal of Biological Chemistry’. Não seria incrível que uma pequena lesma do oceano pudesse colaborar na melhoria da saúde de milhões de seres humanos que diariamente poluem de todas as formas esse mesmo mar de onde vem a lesma?

Compartilhe com seus amigosShare on Facebook13Share on Google+0Tweet about this on TwitterEmail this to someone

Comments are closed.

Powered by: Wordpress
%d blogueiros gostam disto: