Na Estrada para Udaipur

Na Estrada para Udaipur
(13.01.2011)

Relato da Pátchima:

Mais estrada, mais sacolejo, mais mudanças na paisagem. Uma coisa que não cansa é olhar para plantação de mostarda!!! Grandes extensões. É o que mais se vê por aqui. E ao longo da viagem já vimos pé de mostarda em suas várias fases. Sempre aquele mar verde com florzinhas amarelas. Lindo demais. Neste trecho vê-se pastores com cabras e ovelhas no meio da estrada. Muitas montanhas rochosas. Vegetação mais rasteira. Tudo muito seco.

moendo gergelim à moda antiga



Coisa muito boa que acontece dentro do ônibus entre uma cidade e outra é a hora do “senta que lá vem história”. Pois!! Prof. Ricardo sempre tira um tempinho para nos falar sobre o lugar para onde estamos indo ou sobre os impérios e dinastias da Índia. No final da viagem já havia coro da turma do fundão pedindo “estorinha”.

A caminho de Udaipur paramos em Ranakpur, lugar onde está um dos 05 templos sagrados do jainismo. Templo de Adinath. É todo em mármore branco. Todo mesmo. Dentro há uma floresta de colunas em mármore esculpidas com belos motivos florais. A cúpula do templo toda esculpida com detalhes muito delicados, como rendas. Tudo lá é de deixar a gente com o queixo caído. Uma curiosidade é que pra entrar no templo é preciso deixar todo e qualquer objeto de couro no lado de fora!



Deixamos Ranakpur e imediatamente enfrentamos uma serra íngreme e sinuosa. Paisagem mudando. O relevo foi ficando cada vez mais pedregoso, alguns riachos, mas com pouca água. As plantas aqui têm que fazer parceria com as pedras se quiserem crescer. E nosso ônibus sofrendo pra dar conta da subida. Mahesh, o ajudante do motorista Singh, descia algumas vezes para colocar uma pedra no pneu. Então Singh engatava a marcha e dá-lhe uma primeira! Pura emoção! Mas nosso ônibus nunca falhou! A região no alto da serra é muito bonita. Um novo Rajastão vai se revelando. Amanhã passeio por Udaipur, a cidade dos lagos, algo raro por aqui e que a diferencia do resto das cidades nesta região tão seca.

dhanapala

Este é o blog pessoal de Ricardo Sasaki (Dhanapala), psicoterapeuta, palestrante e professor autorizado na tradição buddhista theravada e mahayana, tradutor, autor e editor de vários livros, com um grande interesse na promoção e desenvolvimento de meios hábeis que colaborem na diminuição real do sofrimento dos seres, principalmente aqueles inspirados nos ensinamentos do Buddha. Dirige o Centro de Estudos Buddhistas Nalanda e escreve no blog Folhas no Caminho. É também um dos professores do Numi - Núcleo de Mindfulness para o qual escreve regularmente. Para perguntas sobre o buddhismo, estudos em grupo e sugestões para esta coluna, pode ser contactado aqui.

One Comment

  1. Impossivel não repensar a vida depois desta viagem.Incrivel!

Comments are closed.