Nalanda II



Nalanda sob os Guptas

“Apesar de Nalanda ter sido um famoso centro de Buddhismo por séculos antes dos reis Gupta, as descobertas mais antigas que podem ser datadas são a placa de cobre de Samudragupta e uma moeda de Kumaragupta. Sakraditiya, Buddhagupta, Tathagatagupta, Baladitya e Vajra construíram mosteiros em Nalanda nos quinto e sexto séculos. Fa-hsien (atualmente grafado como Faxian pelos especialistas chineses), o peregrino chinês do começo do quinto século, menciona a vila de Nalo, o lugar de nascimento e morte de Sariputra, e uma stupa lá existindo. Este local é aparentemente idêntico a Nalanda. O grande astrônomo Aryabhatta, nascido em Kusumaputra (moderna Patna) em 476 d.C. escreveu sua famosa obra Aryabbhattiya na idade de 23 anos e permaneceu em Nalanda por um longo tempo. Ele foi o primeiro indiano a reconhecer a forma esférica da terra e o fato de que girava em torno de seu eixo. Ele atribuiu um valor correto a pi com a exatidão de quatro casas decimais, bem como resolveu problemas aritméticos e outros.


dhanapala

Este é o blog pessoal de Ricardo Sasaki (Dhanapala), psicoterapeuta, palestrante e professor autorizado na tradição buddhista theravada e mahayana, tradutor, autor e editor de vários livros, com um grande interesse na promoção e desenvolvimento de meios hábeis que colaborem na diminuição real do sofrimento dos seres, principalmente aqueles inspirados nos ensinamentos do Buddha. Dirige o Centro de Estudos Buddhistas Nalanda e escreve no blog Folhas no Caminho. É também um dos professores do Numi - Núcleo de Mindfulness para o qual escreve regularmente. Para perguntas sobre o buddhismo, estudos em grupo e sugestões para esta coluna, pode ser contactado aqui.