segundo dia do ano

Pátchima:

Passeio pelo Si Satchanalai Historical Park. Fenomenal !!! Fica a 36 km de Sukhothai. É um grande parque com varios sitios arqueologicos e ruinas que datam do seculo 13 e um pouquinho antes. Si Satchanalai é de um periodo mais antigo que Sukhothai e conta com vários monumentos representativos da arquitetura com influencia khmer. Há inúmeras estátuas gigantes do Buddha. Só vendo!!! O lugar é tao especial quanto o parque em Sukhothai. Acho que nao contei como é o visual dos parques. Imaginem ai uma regiao plana. As ruinas ficam em lugares abertos, circundadas por gramado verdinho, em meio a muitas arvores frondosas. As ruinas são visiveis de muito longe e emocionam a medida que nos aproximamos. Os monumentos vao tomando conta do cenario e a visao dos varios conjuntos de ruinas é belissima. Há ruas pavimentadas no entorno das ruinas. Pode-se apreciá-las de dentro de um automovel, sobre uma bicicleta ou caminhando.

A temperatura no final da tarde é muito agradável com leve brisa e andando de bicicleta fica simplesmente fantastico. Desculpem a empolgacao, mas é demais mesmo! Estamos aqui com as portas dos sentidos abertas para o universo tailandes: cheiros, gostos, sons, imagens, cultura. Passamos quase o dia inteiro percorrendo as ruinas e visitando alguns sitios de escavacao arqueologica.


A final da tarde voltamos ao parque em Sukhothai porque nao podiamos deixar de ver uma imagem do Buddha que está nas ruinas do Wat Si Chum, do lado de fora do grande complexo de ruinas. 32 metros de altura!!!!


Dificil de achar mas nao impossivel para a heroica expedicao brasileira. Monumento belissimo! Uma estátua gigantesca que de longe se avista como que por entre uma grande fenda. De perto se observa serem duas paredes que provavelmente seriam os grandes portoes para a sala onde se encontrava originalmente.

Foi um dia especial e segundo o companheiro Agustinho “não é para quaquer turista nao!”. Andamos e pedalamos imeeeeeeenso. E nao é que na volta as ruinas que estao no grande complexo do parque estavam iluminadas????


Nao pudemos deixar passar. Lá fomos nós e junto os milhoes de mosquitos!!!! Nao tem jeito de ser ruim o passeio por ali. Com mosquito, sem mosquito, a noite ou durante o dia, é maravilhoso! Voltando para a pousada, para a tristeza de alguns, o Night Bazar em Sukhothai já estava fechado. O que ainda tinham algum gás sobrando foram para a piscina da pousada. Amanha partimos para o norte da Tailandia – Chiang Mai.

dhanapala

Este é o blog pessoal de Ricardo Sasaki (Dhanapala), psicoterapeuta, palestrante e professor autorizado na tradição buddhista theravada e mahayana, tradutor, autor e editor de vários livros, com um grande interesse na promoção e desenvolvimento de meios hábeis que colaborem na diminuição real do sofrimento dos seres, principalmente aqueles inspirados nos ensinamentos do Buddha. Dirige o Centro de Estudos Buddhistas Nalanda e escreve no blog Folhas no Caminho. É também um dos professores do Numi - Núcleo de Mindfulness para o qual escreve regularmente. Para perguntas sobre o buddhismo, estudos em grupo e sugestões para esta coluna, pode ser contactado aqui.

4 Comments

  1. Amigos! Que maravilha! Fico contente por vocês! Tudo de bom e um excelente 2010!
    Até breve <3

  2. Patima, que Buddha grande, e a tailandia de bike deve ser demais né

    abçs e bjs a todos aí

  3. Pátxima & Friends, mas que “imeeeeeeensas” saudades! Folgo em saber que a viagem está a ser … como hei-de dizer… mais que excelente!!!
    Um enooooooorme abraço, agora do “extremo oes-noroeste”!

  4. Pátchima e amigos!! Quantas exclamações!!! Satisfação imensa de ter notícias vossas depois de alguns dias longos e de saber que a expedição está, assim, fenomenal!!!!
    Grandes abraços!!!!

Comments are closed.