Sobre a Excelência

Em homenagem ao ‘Dia da Provocação da Idade’ de Tan Ajahn Buddhadasa (27 de Maio), pois ele ainda vive nos ensinamentos que praticamos …

Sobre a Excelência (Vara, Phra)

Ser excelente é a mente não perturbada pela aflição,
Observadora, sóbria, atenta e sagaz.

Coração recolhido e cuidadosamente guardado sem falha
Para evitar os três perigos que seguem e perturbam.

Nos assuntos de alimento, divertimento e fama,
Percebendo a armadilha no quente e no frio, no fedor e no perfume.

Não se deleitando, nem destruindo, nem batendo por aí,
Ainda que sofrendo muita pressão de kilesa, não caindo.

A mente limpa, o coração brilhante, a inteligência calma,
Acompanhado com corpo e fala apropriados.

Ser um phra dessa forma supera os objetos sensoriais.
Pois esses são populares e agradáveis ao mundo, reverência.

  • Vara (phra em thai), excelência. Phra pode se referir a monges, realeza e qualquer coisa de que se tem medo, dependendo do contexto. Aqui e noutras ocasiões, Ajahn Buddhadasa está jogando com o significado de phra na linguagem popular a fim de encorajar a percepção de um significado mais profundo.
  • Kilesa, aflição, impurezas do coração-mente, emoções reativas, várias nuances de egoísmo.
  • Três ‘Fs’ (3 kor-kai em thai): alimento (comer), divertimento (sensualidade) e fama (honra, status).

Esse é o segundo de seis versos numa pequena antologia sobre Sangha que acabou de chegar do Sião

Trad. Thai->Inglês : Santikaro
Trad. Inglês->Portugês : Dhanapala

dhanapala

Este é o blog pessoal de Ricardo Sasaki (Dhanapala), psicoterapeuta, palestrante e professor autorizado na tradição buddhista theravada e mahayana, tradutor, autor e editor de vários livros, com um grande interesse na promoção e desenvolvimento de meios hábeis que colaborem na diminuição real do sofrimento dos seres, principalmente aqueles inspirados nos ensinamentos do Buddha. Dirige o Centro de Estudos Buddhistas Nalanda e escreve no blog Folhas no Caminho. É também um dos professores do Numi - Núcleo de Mindfulness para o qual escreve regularmente. Para perguntas sobre o buddhismo, estudos em grupo e sugestões para esta coluna, pode ser contactado aqui.